Categoria: Grêmio

Gremio 1×0 Fluminense, um Grêmio táticamente perfeito.

Em um jogo muito equilibrado, tanto tecnicamente, quanto táticamente, de poucos erros e muita aplicação tática de ambas partes, o time do Gremio saiu vencedor, aproveitando a unica falha, cometida pelo Fluminense durante os 90 minutos de jogo, no olímpico. O Gremio, que foi escalado pelo Luxemburgo, nesta noite, conseguiu se sobressair ao qualificado Fluminense, pois dominou as ações ofensivas, foi muito mais objetivo e efetivo, o que o credenciou a vitória, com todos os méritos.

No plano tático, o Gremio apresentou a mesma constituição tática dos ultimos jogos, ou mesmo desde a chegada do Elano. O time variou entre o 4-4-2 inglês tradicional, sendo que quando desta maneira, Zé Roberto atuou pela ponta esquerda, Elano na direita, enquanto Souza e Fernando ficaram centralizados, e o 4-2-2-2 Brasileiro, o tradicional quadrado, onde o Elano e Zé Roberto, atuaram centralizado à frente dos volantes. Táticamente, o Gremio tem variado frequentemente de esquema durante a partida nos ultimos jogos, justamente entre os dois citados anteriormente, e isto, acaba dificultando a marcação do adversário, pois o meio campo tem muita movimentação. Outro segredo, é que o Grêmio tem o meio campo mais completo do Brasil táticamente, segundo a teória de que, dentre os dois armadores do time, um começou como lateral e outro como volante, além de criar, eles tem capacidade de marcação, assim como os volantes, que começaram como meias nas categorias de base, e por conta disto, são jogadores que apesar de marcar, tem qualidade para chegar ao ataque.
Por parte do Fluminense, o time apresentou uma constituição tática, em um 3-5-2 estático, onde nenhum zagueiro tinha capacidade de auxiliar o meio campo na criação, também relevando o problema dos laterais, que não funcionaram. Isto acabou fazendo, com que o Fluminense, apenas ter exito na marcação do Grêmio, pois sua criação estava comprometida, sendo que estava encarregada apenas do Thiago Neves, que foi bem marcado e anulado pelo meio campo do Gremio, e, consecutivamente com isso, o ataque do Fluminense não funcionou, pois Fred e Wellington Nem, ficaram isolados entre o sistema defensivo do Gremio. O time do Fluminense raramente chegou ao gol do Gremio, sendo a maior prova disto, que o goleiro gremista, Marcelo Grohe, não fez nenhuma grande defesa durante o jogo, e isto acabou fazendo com que o Gremio pressionasse, o que por fim, culminou no gol.

 

No mais, vejo que o Gremio, está afirmando cada vez mais sua boa fase, e transformando isto em realidade dentro de campo, com um futebol bem jogado e consistente tanto defensivamente, quanto ofensivamente. Por conta do Fluminense, vejo que apresentou alguns problemas, como os laterais, que tiveram má atuação durante o jogo, com a ressalva de serem jogadores suplentes. Vejo que são dois times, candidatos a titulo, pelo que vem jogando nos ultimos jogos.

Para terminar a análise, deixo minha opinião sobre os melhores e piores jogadores de cada time na partida:

Grêmio – O melhor: Elano

                 O pior: Pará 

Fluminense – O melhor: Thiago Neves

O pior: Fred